Núcleo de Estudos: Ciência e Espíritos
Um estudo plausível?

Primeiramente este é um projeto para o futuro quando meus conhecimentos estiverem mais aprofundados. O NECE possui uma proposta que não é exatamente inovadora, mas que não tem sido muito bem sucedida pelos muitos pesquisadores que se aventuraram nas chamadas questões metafísicas e tantos outros obscurantistas, sensacionalistas que se aproveitaram da boa fé de pessoas simples. O foco dos nossos estudos serão as entidades denominadas espíritos e todos os fenômenos e questões a elas relacionadas. A escolha desse objeto justifica-se pela sua abrangência e por não ser exclusividade de nenhuma religião. O objetivo será aliar as diversas disciplinas das ciências humanas, exatas e biológicas aos conhecimentos produzidos, principalmente pelas religões mediúnicas, além da pesquisa de caráter mais empírico, pesquisa de casos. Evidente que esse estudo depende de uma mudança radical na atual concepção de ciência e de cientificidade, ensejando discussões profundas. Sem essa mudança paradigmática o fênomeno torna-se implausível mesmo que seja pensado apenas como uma hipótese. Um estudo sério não pode admitir superficialidades e verdades a priori, mas igualmente necessita de plausibilidade. Para tanto, partiremos dos trabalhos de físicos materialistas renomados. A filosofia destes físicos consagrados será confrontada com a herética filosofia da física quântica, capitaneda por Phds como Fritjof Capra e Amit Goswami. Outro ponto fundamental será a crítica de historiadores como Carlos Alvarez Maia à chamada História das Ciências. Tudo isso contribuindo para o primeiro passo nessa empreitada: pensar a plausibilidade do fenômeno. Os interessados em compor esse núcleo irão contribuir focando em suas respectivas áreas, ao mesmo tempo que compartilham suas reflexões com os outros membros da equipe, construindo uma visão interdisciplinar.